Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese




ONLINE
6





                                              

                            

 

 

 


O Romance Inacabado de Sofia Stern
O Romance Inacabado de Sofia Stern

AMOR E SUSPENSE NA ERA NAZISTA

 

O ROMANCE INACABADO DE SOFIA STERN (Record, 256 páginas), livro do escritor e advogado carioca Ronaldo Wrobel, nascido em 1968, é sua sexta publicação.  Ele já publicou três romances, um livro de contos e uma obra infanto-juvenil.  TRADUZINDO HANNAH (Record, 2010) foi finalista do Prêmio São Paulo de Literatura na categoria melhor livro do ano e já foi lançado em oito países.

 

O ROMANCE INACABADO DE SOFIA STERN é um instigante thriller repleto de amor e suspense que se passa no contexto histórico dos anos posteriores à Primeira Guerra Mundial (1914 – 1918) até 1938, na Alemanha, e em acontecimentos no Brasil, Suíça e Alemanha nestes últimos anos.  Na trama bem urdida e narrada que nos leva à era nazista para contar uma história de amor, Ronaldo, que vive em Copacabana com a avó, Sofia Stern, nascida na Alemanha em 1919 e fugida para o Brasil na véspera da Segunda Guerra, recebe um telefonema de uma juíza alemã.

 

Na contramão de boa parte da literatura brasileira contemporânea, com autores muitas vezes preocupados com jogos verbais, piruetas linguísticas e viagens ególatras intermináveis, Wrobel nos apresenta um texto cristalino, bem-estruturado; e se preocupa, acima de tudo, em contar bem uma história, uma ótima história, com elementos de História e com alta sedução narrativa.  O autor é rigoroso com elementos históricos, referências de datas, tempos, e nos envolve no seu uni verso com muito talento.  Em entrevistas, aliás, Ronaldo Wrobel tem ressaltado o papel do escritor, a força narrativa e a importância da História nos romances.  O prazer de ler, somado a toques de cultura e erudição, como se vê, está garantido.  O romance é um vira-página.

 

A justiça alemã está às voltas com um processo que pode tornar Wrobel multimilionário.  Para isso, ele precisa ir até lá e defender seus direitos.  Mas as coisas não são tão simples assim.

 

A partir de descobertas em um diário, Wrobel reconstitui a juventude da pacata avó e sua conturbada amizade com uma jovem chamada Klara.  Sofia, a avó, foi uma cantora de cabaré malquista pelo regime nazista porque descendia de judeus e católicos.  Paixões, inveja, traições, dinheiro e a morte de Klara, em 1938, são peças do passado que vão se revelando e se encaixando.  Outros fatos vêm à tona, e Wrobel se depara com uma série de dilemas.  Ele vai ter de escolher entre ficar rico ou fazer justiça.  O resto o leitor vai descobrir.

 

Fonte:  Jornal do Comércio/Jaime Cimenti (jcimenti@terra.com.br) em 12 de junho de 2016.