Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese




ONLINE
6





                                              

                            

 

 

 


Enigma Envolto em Ataduras
Enigma Envolto em Ataduras

ENIGMA ENVOLTO EM ATADURAS

 

FILME AUSTRÍACO “BOA NOITE, MAMÃE” COMBINA SUSPENSE PSICOLÓGICO E HORROR.  TRAMA MOSTRA MULHER QUE NÃO É RECONHECIDA PELOS DOIS FILHOS APÓS FAZER CIRURGIA NO ROSTO.

 

A conexão física e psicológica impressa na relação entre mãe e filho desde o ventre guarda em si potentes elementos dramatúrgicos, volta e meia explorados no cinema nos mais diferentes registros, do melodrama à comédia de costumes.

Estreando no circuito, o longa-metragem austríaco BOA NOITE, MAMÃE ilumina este tema por um  aspecto mais sombrio e perverso.  Conta a história de dois irmãos gêmeos de nove anos que desconfiam que sua mãe não é a mulher que retornou do hospital com o rosto coberto de ataduras.

 

 

Os diretores Severin Fiala e Veronika Franz exploram o conflito decorrente da dúvida dos meninos Lukas (Lukas Schwarz) e Elias (Elias Schwarz) diante daquela figura estranha (Suzanne Wuest) com quem não conseguem firmar contato visual – fundamental no fortalecimento do elo entre criança e adulto –, costurando elementos de suspense e terror.

Em seus primeiros movimentos, a trama lança o espectador no desajustado universo, paradoxalmente ambientado em um lugar bucólico, que Lukas e Elias exploram.  Correm pelo campo, adentram cavernas escuras, aventuram-se pelo ossário de um cemitério e nadam no lago próximo.

Dentro da casa, porém, o ambiente tornou-se tenso e claustrofóbico com a chegada daquela figura de rosto ainda desfigurado por uma cirurgia – e com o humor instável em razão disso.  Sua presença desestabiliza os meninos.

Enquanto deixa o espectador tateando para absorver as razões desse estranhamento, juntando pistas aqui e ali sobre o que é real e o que é projeção da fértil mente infantil, BOA NOITE, MAMÃE regula com eficiência sua tensão narrativa.  A virada do suspense para um horror mais gráfico e violento também é bem conduzida.  Na sua reta final, porém, o filme busca satisfazer o público que gosta de ter suas expectativas atendidas pelo roteiro.  O que era dúvida e intuição fica por demais explicado.

 

 

BOA NOITE, MAMÃE foi apresentado pela primeira vez do Brasil em maio de 2015, no festival Internacional de Cinema Fantástico de Porto Alegre – Fantaspoa, no qual ganhou o prêmio de melhor roteiro.  A produção representou a Áustria na disputa pela indicação ao Oscar de melhor filme estrangeiro.

Trailer em:   https://www.youtube.com/watch?v=rIDEgaO2tqA

 

Fonte:  ZeroHora/Marcelo Perrone (marcelo.perrone@zerohora.com.br) em 11 de março de 2016.