Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese




ONLINE
2





Partilhe esta Página

                                             

                            

 

 

 


Tito e os Pássaros, Animação Brasileira
Tito e os Pássaros, Animação Brasileira

TITO E OS PÁSSAROS, ANIMAÇÃO BRASILEIRA

 

Para pais e filhos: Selecionado para diversos festivais, animação brasileira TITO E OS PÁSSAROS, dirigida por Gustavo Steinberg, Gabriel Bitar e André Catoto e com roteiro de Eduardo Benaim, aborda a cultura do medo.

 

A animação brasileira TITO E OS PÁSSAROS trata de um medo que paralisa e contagia em meio à avalanche de notícias alarmantes que alimentam famílias apavoradas. Atração para pais e filhos, a obra foi exibida em mais de 80 festivais pelo mundo – entre eles, a seleção para o Festival D’Annecy 2018, que ocorreu na França e junho. Este é o evento internacional mais importante do meio – que escolhe apenas 10 filmes por ano. Também participou do Festival Internacional de Cinema de Toronto (TIFF), no qual foi a primeira animação brasileira a ser selecionada e teve sua estreia norte-americana.

 

No Brasil, o título teve sua primeira exibição no último Anima Mundi, em Julho, que, inclusive, lhe rendeu o prêmio de Melhor Longa Infantil. O filme foi indicado ao prêmio Annie de melhor animação independente, o principal segmento nos Estados Unidos. Também foi um dos 25 longas pré-indicados ao Oscar de melhor animação.

 

O filme conta a história de Tito (com voz do ator mirim Pedro Henrique), um menino de 10 anos que, com seu pai, um estudioso de pássaros, se empenha em encontrar a cura para uma estranha epidemia de medo que faz as pessoas paralisarem e virarem pedras. A aventura do garoto é acompanhada pelos seus amigos Sarah e Buiu. Tito mora apenas com a mãe, Rosa (voz de Denise Fraga), desde que um acidente com u experimento do pai,o Dr. Rufus (dublado por Matheus Nachtergaele), o levou ao hospital, aos sete anos. Superprotetora, a mãe culpou o pai, que acabou expulso de casa. Anos depois, surge a tal epidemia que transforma as pessoas em pedra, contagiando um a um – para ser contaminado, basta se assustar ao ver alguém infectado pela doença.

 

Ninguém sabe a origem ou como conter a enfermidade. A única pista vem de Tito, que, observa uma relação do surto com pombos. Por trás dos panos da imprensa estariam os interesses de um empreendedor imobiliário, Alaor Souza (voz de Mateus Solano) – que também faz o papel de prefeito da cidade e vilão da história.

 

Trailer, making of e game no site http://www.titoandthebirds.com/pt-br/

 

 

Fonte: Jornal do Comércio em 17/02/2019