Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese




ONLINE
11





                                             

                            

 

 

 


Um Modo de Vida de um Povo, e Não um Status Social
Um Modo de Vida de um Povo, e Não um Status Social

 

Por Cristiane Vilarinho

Por muitas vezes, ouvi pessoas chamando outras de burra por não saberem debater determinados assuntos. Ora, o que o faz pensar que sicrano é burro porque ele não respondeu a determinados requisitos.

Existem culturas diversas e costumes que em cada povo há seu esclarecimento.

A cultura significa o modo de vida de um povo e manifesta-se nos seus atos e nos seus artefatos. Os modos de comportamento que compõem a cultura de qualquer sociedade representam generalizações de comportamento de todos ou de alguns como membros da sociedade. A cultura social, seletiva, explicita e implícita.

O termo cultura  ( colare, cultivar ou instruir; cultus, cultivo, construção) não se restringe ao campo da antropologia. Várias áreas do saber humano, agronomia, biologia, artes, LITERATURA, história etc... valem-se deles, embora seja outra conotação.

Muitas vezes a palavra cultura é empregada para indicar o desenvolvimento do indivíduo por meio da educação, na instituição.

Então, nesse caso, uma pessoa “culta” seria aquela que adquiriu domínio no campo intelectual ou artístico. Seria “inculta” a que não obteve instrução.

Bem visto que: os antropólogos NÃO empregam os termos CULTO ou INCULTO, o uso popular, nem faz juízo de valor sobre esta ou aquela cultura, pois não consideram uma superior a outra.

Elas apenas são diferentes em níveis de TECNOLOGIA ou INTEGRAÇÃO de seus elementos. Toda sociedade – rurais ou urbana, simples ou complexas possuem CULTURA.

NÃO há indivíduo humano desprovido de cultura exceto o recém-nascido e o homo ferus; um, porque ainda não sofreu o processo de endoculturação, e o outro, porque foi privado do convívio humano. Para a antropologia, a cultura tem dois significados:

Modos comuns e aprendizado da vida, transmitido pelo indivíduo e grupos, em sociedade.

Sendo assim, a cultura real é aquela em que, concretamente, todos os membros de uma sociedade praticam ou pensam em suas atividades cotidiana. Entretanto, a cultura real não pode ser percebida em sua totalidade, apenas parcialmente e, para isso, é necessário que os estudiosos a ordenem e demonstrem em termos compreensíveis.

O conhecimento científico nem sempre pode evidenciar a cultura real, mesmo que empregue os mais modernos avanços métodos de pesquisa, porque o real sempre é apresentado como as pessoas o conhecem ou pensam que seja.

No entanto, todas as culturas, sejam simples ou complexas, possuem grande QUANTIDADE de CONHECIMENTO que são cuidadosamente transmitidos de geração em geração.