Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese




ONLINE
4





                                              

                            

 

 

 


Um Modo de Vida de um Povo, e Não um Status Social
Um Modo de Vida de um Povo, e Não um Status Social

 

Por Cristiane Vilarinho

Por muitas vezes, ouvi pessoas chamando outras de burra por não saberem debater determinados assuntos. Ora, o que o faz pensar que sicrano é burro porque ele não respondeu a determinados requisitos.

Existem culturas diversas e costumes que em cada povo há seu esclarecimento.

A cultura significa o modo de vida de um povo e manifesta-se nos seus atos e nos seus artefatos. Os modos de comportamento que compõem a cultura de qualquer sociedade representam generalizações de comportamento de todos ou de alguns como membros da sociedade. A cultura social, seletiva, explicita e implícita.

O termo cultura  ( colare, cultivar ou instruir; cultus, cultivo, construção) não se restringe ao campo da antropologia. Várias áreas do saber humano, agronomia, biologia, artes, LITERATURA, história etc... valem-se deles, embora seja outra conotação.

Muitas vezes a palavra cultura é empregada para indicar o desenvolvimento do indivíduo por meio da educação, na instituição.

Então, nesse caso, uma pessoa “culta” seria aquela que adquiriu domínio no campo intelectual ou artístico. Seria “inculta” a que não obteve instrução.

Bem visto que: os antropólogos NÃO empregam os termos CULTO ou INCULTO, o uso popular, nem faz juízo de valor sobre esta ou aquela cultura, pois não consideram uma superior a outra.

Elas apenas são diferentes em níveis de TECNOLOGIA ou INTEGRAÇÃO de seus elementos. Toda sociedade – rurais ou urbana, simples ou complexas possuem CULTURA.

NÃO há indivíduo humano desprovido de cultura exceto o recém-nascido e o homo ferus; um, porque ainda não sofreu o processo de endoculturação, e o outro, porque foi privado do convívio humano. Para a antropologia, a cultura tem dois significados:

Modos comuns e aprendizado da vida, transmitido pelo indivíduo e grupos, em sociedade.

Sendo assim, a cultura real é aquela em que, concretamente, todos os membros de uma sociedade praticam ou pensam em suas atividades cotidiana. Entretanto, a cultura real não pode ser percebida em sua totalidade, apenas parcialmente e, para isso, é necessário que os estudiosos a ordenem e demonstrem em termos compreensíveis.

O conhecimento científico nem sempre pode evidenciar a cultura real, mesmo que empregue os mais modernos avanços métodos de pesquisa, porque o real sempre é apresentado como as pessoas o conhecem ou pensam que seja.

No entanto, todas as culturas, sejam simples ou complexas, possuem grande QUANTIDADE de CONHECIMENTO que são cuidadosamente transmitidos de geração em geração.