Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese




ONLINE
4





                                              

                            

 

 

 


O Bom Desempenho nas Escolas por Lurdes Maravilha
O Bom Desempenho nas Escolas por Lurdes Maravilha

O BOM DESEMPENHO NAS ESCOLAS

 

Um facto parece evidente: na nossa sociedade atual, os cidadãos são cada vez mais exigentes com o desempenho das escolas. Esta preocupação deve-se ao facto de as escolas serem instituições sociais necessárias e com um estimado valor no estigma da sociedade. Por outro lado, os custos elevados com que elas se organizam e orientam, são o resultado da sobrecarga dos impostos que a todos penaliza.

É neste olhar que os cidadãos se questionam e atualmente a grande preocupação é conhecer o modo como os sistemas funcionam no percurso ao sucesso. O grande lema é a procura da melhoria e eficácia em todos os níveis de ensino. Assim, para os directores das escolas, dirigentes de órgãos intermédios e professores, esta problemática não pode ser encarada como algo estranho.Neste sentido, a necessidade da avaliação do sistema educativo é reconhecida desde 1986, com a estatuição do nº1 do artigo 49º da Lei de Bases do Sistema educativo no sentido de uma” avaliação continuada, que deve ter em conta os aspectos educativos e pedagógicos, psicológicos e sociológicas, organizacionais, económicos e financeiros e ainda os de natureza político-administrativa e cultural”.

Além disso, como refere o quadro do regime de “autonomia”, aprovado pelo Decreto-Lei nº 115-A/98, de 4 de Maio, para o qual foram mobilizadas todas as escolas do nosso país e que se encontra há já vários anos em prática em muitos outros países, tem vindo a enfatizar a necessidade de fazer acompanhar os processos de autonomia com dinâmicas rigorosas de avaliação e de prestação de contas à comunidade.

 É no teor desta ideologia que se coloca a necessidade de uma aposta concreta na avaliação, qualitativa e quantitativa do sistema educativo de modo a orientar as práticas pedagógicas, identificar os melhores caminhos a seguir na procura da promoção da excelência. Com o sistema de avaliação de escolas, pretende-se que os agentes educativos assumam uma responsabilidade e compromisso perante a escola, a sociedade e o próprio país, assim como gestão de todo o sistema a eficiência e a eficácia estejam projetadas e presentes.

Precisamos do empenho de todos no sentido de avaliarmos as nossas práticas pedagógicas e sermos capazes de nos superarmos.

 

Por Lurdes Maravilha