Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese




ONLINE
19





                                             

                            

 

 

 


Leonardo Pacheco
Leonardo Pacheco

ENTREVISTA:   LEONARDO PACHECO

 

Sua Biografia:

Leonardo Pacheco nasceu em Sapucaia do Sul em 06 de abril de 1983, cidade na qual percorre incessantemente, os inúmeros caminhos e descaminhos na busca de inspirações poéticas para seus trabalhos. É a soma de pontos, vírgulas, letras e palavras pinçadas no papel que fazem de cada verso uma aventura. Autor do livro “Além das palavras”, publicado em dezembro de 2013. Perspicaz, transforma a simplicidade e a complexidade do cotidiano em temas poéticos, fazendo o leitor refletir sobre si próprio, sobre o mundo e sobre a vida em cada combinação lida.

Escreve há mais de uma década. Tem o dom de transformar seus sentimentos e os profundos anseios em poesia. Além de poeta, Leonardo é um escritor, que está produzindo constantemente, conheça um pouco mais sobre o autor e poeta.

O escritor tem um carinho especial com o seu público. Também não é para menos: são 15 anos na carreira literária dedicada a seus leitores.  “Quem me incentivou a escrever foi o público. O público sempre teve por mim um afeto carinhoso e de muita intimidade. Isso foi me motivando a escrever, a cada dia mais e mais, assim posso atender carinhosamente todos os meus leitores.”

 

Sinopse – Além das Palavras – Leonardo Pacheco

A obra "Além das Palavras" traz poesias carregadas de sentimentos, profundos desabafos, amores, desamores, anseios e aspirações. Emoções а flor da pele. As poesias foram escritas ao longo dos anos. Com maestria transforma sentimentos em belos poemas, utilizando uma linguagem prosaica do cotidiano.

 

 

Como surgiu o escritor LEONARDO PACHECO?

Leonardo Pacheco – surgiu há cerca de 15 anos atrás. E apesar de não transparecer se considera tímido, mas, através da alegria que transmite inibe a timidez que possui.  Foi através de casos amorosos mal resolvidos que começou a escrever. Deixar transparecer todo sentimento que possui dentro de sua alma em palavras. Nem sempre descrever o se passa conosco, muitas vezes, transcrever pensamentos já existentes, e também por vidas vividas e ouvidas por terceiros.

 

Fale de você e seus projetos literários em prosa e poesia.

Quero aqui deixar claro que eu possuo mil ideias a imaginar...

 

Fiquei sabendo que também é compositor e/ou letrista?  Posso me referir dessa maneira?  Fale a respeito das letras que compõe para músicas.

Claro que sim! Componho ao mesmo tempo em que escrevo poesia, em minhas letras deixo claramente exposto a emoção, o amor, o diálogo, a dor, a paixão, a compaixão e a união de todos que comovem um coração levemente abandonado.

 

E o Jornal online - Visão Cultural?  Abrange vários assuntos ou é apenas para divulgar eventos culturais?

Claramente o foco do Jornal é a Cultura em geral. E também faço entrevistas com variadas pessoas do meio artístico.

 

E como está à repercussão na internet e em tua cidade aqui no Rio Grande do Sul?

Não poderia ser diferente, nós gaúchos somos muito sinceros e deixamos claro se gostamos ou não. Graças a Deus o Jornal Online – Visão Cultural foi muito bem aceito.  Sequer imaginaria que teria esta grandiosa repercussão. Mas enfim, criei o Jornal basicamente por hobby, mas atingiu um ponto, que hoje, não posso mais me descuidar, pois está rendendo grandes parcerias. 

 

O que você acha de ser escritor em um país de poucos leitores, onde a literatura nacional não é valorizada e o custo de edição é alto.

Bom, esse assunto é bem complexo. Nós, escritores e poetas temos que lutar muito, num país onde a literatura nacional, infelizmente, não é muito bem vista.

 

Qual o meio usado para publicação de seus livros?  Fale a respeito, informando os motivos de sua escolha.

Bom, eu optei e gosto do livro impresso. Tendo a obra em mãos, o gosto da leitura é outro e permite-nos viajar muito além das palavras que ali se fazem impressas.

 

Por que você recomenda a leitura de seus livros? 

Sou suspeito para falar, eu sou um romântico a moda antiga e escrevo muito sobre meus sentimentos. Derramo no papel todo o sofrimento que possa existir em certo momento, naquele poema, que ali está sendo esculpido em letras.

 

Deixe uma mensagem para seus leitores.

Seja criativo, seja humilde e muito sincero nas páginas da vida. Pois a vida é única e temos que viver, sobretudo com muito amor e compaixão em nossos corações. Também quero agradecer a todos da produção e as pessoas que coordenam o site Almanaque Literário. Forte abraço do Poeta e Escritor Leonardo Pacheco.

 

Saiba mais do escritor:

Facebook: https://www.facebook.com/poetaleonardopacheco

Site Jornal: http://visao-cultural.blogspot.com.br/

E-mail: escritorleonardopacheco@gmail.com

 

16/12/2015