Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese




ONLINE
4





                                              

                            

 

 

 


Bibliotecas existentes em Lisboa - Portugal
Bibliotecas existentes em Lisboa - Portugal

 Biblioteca do Palácio Nacional de Mafra

 

Directório de bibliotecas existentes em Lisboa 

com colecções relevantes nas Artes e Humanidades e Ciências Sociais

 

Biblioteca da Academia das Ciências de Lisboa 

Colecções:

Uma das mais importantes bibliotecas do País, com particular relevância para a investigação nas áreas da Língua e Cultura Portuguesas, contendo  mais de um milhão de espécies. Foi beneficiária do Depósito Legal entre 1931 e 2003.

 

Para além das obras modernas, das suas colecções constam parte da livraria do Convento de Jesus (24.174 volumes impressos), cerca de 3.000 manuscritos portugueses, árabes, espanhóis e hebraicos, e uma inestimável colecção de livros dos séculos XIV a XVII, incluindo espécies tão relevantes como o códice Crónica Geral de Espanha (sécs. XIII e XIV), e os livros manuscritos Missal de Estêvão Gonçalves (1610), Livro de Horas da Condessa de Bertiandos (séc. XVI), Livro dos BrasõesLivro das Armadas (de 1497 a 1563), Atlas de Lázaro Luís (1563), o incunábulo Biblia Moguntiae (1462), um exemplar da 1ª edição, autêntica, de Os Lusíadas, e muitos outros desse nível e grau de raridade.

 

Inclui, ainda, um importante conjunto de legados contendo publicações e documentação de arquivos pessoais: Abel Botelho (1856-1917), Gago Coutinho (1869-1959), Henrique Barrilaro Ruas (1921-2003), Júlio de Melo Fogaça (1907-1980), Luís Forjaz Trigueiros (1915-2000), Marquês de Faria (Antº de Portugal de Faria, 1868-1937?), Monsenhor Dalgado (Sebastião Rodolfo Dalgado, 1855-1922), Artur Pinto Miranda Montenegro (1871-1941), Pedro Maria da Rocha Cunha e Serra (1919-2002), Adriano Antero Sousa Pinto (1846-1934), Vasco Magalhães Vilhena (1916-1993), Virgílio Machado e Cotelo Neiva.

Morada:

R. Academia das Ciências, 19, 1249-122 Lisboa

Tel. 21 3219730, Fax: 21 3420395
biblioteca.acl@acad-ciencias.pt

Acesso e horário:

Aberta ao público em geral.

Horário: das 9h às 17h, todos os dias úteis, excepto 5ª feiras, em que encerra às 12h30

Sítio Web Regulamento

(topo)

Biblioteca da Ajuda 

Colecções:

A Biblioteca da Ajuda constitui um importante acervo patrimonial, com um total de 151.000 espécies em que se destacam preciosidades como o Cancioneiro da Ajuda, o Livro de Traças de Carpintaria, ou Da fabrica que falece a cidade de Lisboa, de Francisco d'Holanda.

 

A colecção de Manuscritos compreende 2.320 códices e cerca de 33.000 documentos avulsos (séculos XIII a XX), incluindo 43 códices iluminados, roteiros e atlas, bíblias e miscelâneas históricas e literárias, além de uma importante colecção de crónicas (séculos XV a XVIII), nobiliários e genealogias, os 226 códices da Symmicta Lusitanica e 61 códices dos Jesuítas na Ásia, fundamental para a história do Oriente (século XVIII). Em termos musicais, compreende 2.950 códices e 10.200 avulsos, constituindo, a nível internacional, um dos mais importantes núcleos de música de câmara e ópera dos séculos XVIII e XIX.

 

O livro antigo compreende, para além de 60.000 volumes dos séculos XVI a XVIII, um importante conjunto de 190 incunábulos e uma colecção de Livros Raros com 500 volumes, incluindo exemplares únicos. Destaca-se, ainda, o núcleo de atlas holandeses, franceses e alemães (séculos XVI a XVIII) e uma colecção de folhetos com cerca de 9.000 títulos. De bibliografia posterior a 1800, existem 16.000 monografias e 11.000 volumes de periódicos distribuídos por 1.700 títulos.

 

O acervo inclui também colecções de Cartografia, Iconografia e Fotografia, cada uma com cerca de 2.500 espécies, sendo particularmente importante a documentação fotográfica do século XIX e princípio do século XX.

Morada:

Palácio Nacional da Ajuda, 1349-021 Lisboa

Telefone: 21 3638592, Fax: 21 3638592
bibliotecaajuda@bnportugal.pt

Acesso e horário:

Aberta ao público em geral. 
Horário - das 10h30 às 17h30, todos os dias úteis.

Sítio Web

(topo)

Biblioteca e Arquivo Histórico da Assembleia da República 

Colecções:

Permanentemente actualizada, possui actualmente mais de 180.000 volumes e abarca todas as áreas do conhecimento com incidência especial nas áreas de Ciência Política, História, Direito, Economia, Administração Pública, Estatística, Assuntos Europeus e documentação de organizações internacionais.

 

Possui um núcleo de livro antigo (1491-1800) com cerca de 5.000 volumes (1.581 títulos) proveniente da antiga Biblioteca das Cortes. A colecção de monografias é constituída por cerca de 52.000 volumes e a de periódicos compreende 3.580 títulos (mais de 100.000 volumes) portugueses e estrangeiros, de organizações internacionais, das instituições europeias e de estatísticas nacionais, incluindo um núcleo antigo de periódicos e relatórios e boletins oficiais dos séculos  XIX e XX, essencialmente produzidos pela Administração Pública, incluindo as antigas colónias.

 

A Biblioteca dispõe ainda de toda a legislação nacional, com mais de 3.000 volumes, das  "Ordenações Manuelinas" e "Afonsinas" aos nossos dias. A partir de Outubro de 2010 disponibilizará para consulta em formato electrónico a legislação nacional desde 1603 até 1910.

 

O Arquivo Histórico Parlamentar possui toda a documentação relativa à actividade parlamentar desde 1821 até à actualidade, documentação eleitoral de todas as eleições legislativas desde a Monarquia Constitucional, eleições presidenciais desde a 1ª República até 1974 e ainda a do Plebiscito (1933), e um arquivo fotográfico com cerca de  150.000  imagens digitais, organizadas em colecções, desde 1906. As actas do Parlamento, desde as Cortes Gerais (1821) até à actualidade, encontram-se digitalizadas e disponíveis em linha.

Morada:

Assembleia da República - Palácio de S. Bento - 1249-068 Lisboa
Biblioteca - Tel: 21 3914141; Fax: 21 3914145 - bib@ar.parlamento.pt
Arquivo Histórico – Tel. 21 3919475; Fax 21 3917470 - Correio@ar.parlamento.pt

Acesso e horário:

Aberta ao público em geral.
Horário: dias úteis das 9h00 às 18h00

Sítio Web Catálogo - Regulamento

(topo)

Biblioteca do Arquivo Histórico Ultramarino 

Colecções:

A Biblioteca do AHU, pertencente ao Instituto de Investigação Científica e Tropical (IICT) incide sobre a expansão e presença portuguesas no mundo e na sua relação com outros povos e comunidades, incluindo estudos baseados em documentos do Arquivo, nomeadamente teses de mestrado e doutoramento, portuguesas e estrangeiras.

 

Possui um fundo de mais de 50.000 volumes de monografias e de publicações em série (680 títulos) algumas das quais remontando ao século XIX. Conta também com um acervo de Livro Antigo/Reservados, de  mais de 300 espécies, dos séculos XVII a XIX. De destacar os Boletins Oficiais das ex-colónias portuguesas e outras colecções de legislação colonial, bem como estatísticas.

 

O fundo inicial, constituído em 1931 com as espécies provenientes da antiga Biblioteca do Ministério das Colónias, foi sendo aumentado por compra. Após a extinção do Ministério do Ultramar, em 1974, recebeu os acervos  de várias bibliotecas deste ministério.

Morada:

Calçada da Boa-Hora, 30, 1300-095 Lisboa
Tel: 21 3616330; Fax: 21 3616339
ahu@iict.pt

Acesso e horário:

Aberto ao público em geral, maior de 18 anos.
Horário: 2ª - 6ª das 13h15 às 19h15 | Sábado das 9h15 às 12h15

Sítio Web Catálogo - Catálogo comum das bibliotecas do IICT

(topo)

Biblioteca do Arquivo Nacional da Torre do Tombo 

Colecções:

A Biblioteca da Torre do Tombo tem origem na denominada “Livraria” que surge em 1834 como consequência da extinção das ordens religiosas. Para além das obras provenientes dos extintos conventos, a biblioteca da TT passa a integrar ainda uma colecção de “crónicas e demais livros de história do Reino” e outra de livros de Diplomática. O seu acervo é então dividido em “Biblioteca Geral” (Série Vermelha)  e “Colecção de Livro Antigo” (Série Preta). Com a nomeação do Dr. António Nunes de Carvalho como guardador da TT, a livraria ganha uma nova dimensão, passando a ser  desenvolvida com inúmeras obras de apoio à investigação histórica, incluído uma colecção de periódicos, através de doações, permutas, algumas aquisições e da integração de valiosos espólios privados e institucionais. Actualmente, possui três colecções essenciais:

 

Série Vermelha – Em constante crescimento, possui cerca de 26.500 registos catalogados e provenientes dos antigos conventos, de ofertas e permutas e da integração de bibliotecas como as do Instituto Português de Arquivos (IPA), Arquivo Histórico do Ministério das Finanças, Comissão dos Descobrimentos, Biblioteca Canedo, Biblioteca Olisiponense e, mais recentemente e em fase de tratamento, da biblioteca de O Século. Nesta colecção inserem-se essencialmente obras de História e ciências auxiliares, História Regional, Genealogia e Heráldica, Religião, obras de referência, Arquivística e Fontes, Normalização Arquivística, fontes primárias impressas e Fotografia. Esta colecção integra ainda cerca de 225 CDROM e DVD. 

 

Série Preta (Livro Antigo) – Com cerca de 7.110 registos catalogados e maioritariamente do século XVIII, mas também dos séculos  XVI e XVII, provenientes dos antigos conventos, do Arquivo Histórico do Ministério das Finanças e das Bibliotecas Canedo e Olisiponense.  Estas obras abrangem assuntos maioritariamente de História, Religião, legislação antiga, Genealogia e Literatura. 

Publicações Periódicas – Com cerca de 3.045 títulos catalogados, antigos e correntes. Provenientes das autarquias locais, de ofertas e permutas, do Arquivo Histórico do Ministério das Finanças, Arquivo Fotográfico e Biblioteca Nacional. Estas publicações são principalmente sobre História, Arquivística, História Regional e estatística  institucional (nacional e colonial). Encontram-se em processo de catalogação títulos da maior importância para o estudo da República até 1974,  provenientes da biblioteca do Século.

Dispõe, ainda, de uma colecção completa de Diários do Governo e da República.

Morada:

Alameda da Universidade
1649-010 Lisboa

Acesso e horário:

Aberta ao público em geral.
Horário: dias úteis das 9h às 17h30. Requisições de leitura efectuadas até às 15h30.

Sítio Web

(topo)

Biblioteca de Arte da Fundação Calouste Gulbenkian 

Colecções

Orientada prioritariamente para as áreas de História da arte, Artes Visuais,  Design e Arquitectura, possui um Fundo Geral de mais de 190.000 volumes de monografias, onde se inclui um importante núcleo de catálogos de exposições, desde o século XIX,  e uma colecção de mais de 2.000 títulos de publicações periódicas, das quais 190 activas.


Compreende, ainda, um conjunto de 180 colecções especiais  de relevância para a investigação em diversas áreas da cultura e da arte portuguesas, destacando-se as bibliotecas de Luís Reis Santos, Bordalo Botto, Ernesto Soares, Alfredo Pimenta, Viana da Mota, a colecção de literatura de cordel formada por Forjaz de Sampaio (digitalizada), os espólios de arquitectura de Raul Lino e Cristino da Silva e as colecções fotográficas do estúdio Mário Novaes e do levantamento de azulejaria portuguesa, de Santos Simões.

Morada:

Fundação calouste Gulbenkian - Av. de Berna 45A, 1067-001 Lisboa 
Tels. 21 7823598; Fax 21 7823044
artlib@gulbenkian.pt

Acesso e horário:

Aberta ao público em geral, maior de 16 anos.
Horário: 2ª - 6ª das 9h30 às 19h

Sítio Web Catálogo

(topo)

Biblioteca do Banco de Portugal 

Colecções:

Constituída em 1932, com um acervo actual de cerca de 50.000 monografias e 1.400 títulos de publicações periódicas correntes, é especialmente vocacionada para o apoio à investigação académica e profissional nas áreas de Economia, Matemática e Estatística, História Económica, Política Monetária e Direito Económico e Financeiro.

 

Possui uma importante colecção de livro antigo, impresso em Portugal e no estrangeiro, dos séculos XV a XVIII, salientando-se a colecção de livros de Direito e Actividade Bancária, de elevado valor histórico. A Biblioteca do Banco também possui um acervo de livros impressos do século XIX.

 

Outra colecção a destacar é o conjunto de relatórios e contas de empresas nacionais e estrangeiras, desde o século XIX até à actualidade,  que constituem uma fonte importante para a investigação da História Económica de Portugal, em particular do seu tecido empresarial.

Morada:

Edifício Portugal, Rua Francisco Ribeiro nº 2 - Lisboa (paralela à Av. Almirante Reis) 
Tel. 21 3130705 / 21 3130626; Fax: 21 3128116
biblioteca@bportugal.pt

Acesso e horário:

Aberta ao público em geral.
Horário: 2ª - 6ª das 9h às 12h e das 13h30 às 16h30

Sítio Web Catálogo

(topo)

Biblioteca Central de Marinha 

Colecções:

Com um acervo que compreende as obras de maior significado sobre a Marinha e o mar editadas no país e muitas das estrangeiras mais relevantes, conta actualmente com cerca de 48.000 títulos.

 

Os fundos da Biblioteca Central da Marinha têm várias proveniências mas, no caso dos fundos antigos, salientam-se os recebidos das livrarias dos conventos das antigas ordens religiosas extintas no século XIX. Conta com preciosas colecções de livros de Astronomia, Geometria, Aritmética, Geografia, Cartografia, História e outros assuntos, com assinalável número de edições dos séculos XVI e XVII versando matérias de muito interesse para o estudo dos descobrimentos e da expansão portuguesa no mundo e de outros temas de história marítima, incluindo uma considerável e valiosa colecção de cartas e atlas.

 

Dispõe, ainda, em avultado número e em espécies de grande qualidade, de livros de Filosofia, Literatura, Religião e outros temas, onde predominam obras clássicas e renascentistas portuguesas, italianas, espanholas, flamengas, alemãs e francesas em edições dos séculos XV a XVIII.


A biblioteca compreende, também, importantes legados como os dos Almirantes Gago Coutinho e Teixeira da Mota, dos Comandantes Marques Esparteiro e Nunes Ribeiro, entre outros, que completam um vasto património em matéria de história náutica e dos descobrimentos.

Morada:

Praça do Império, 1400-206 Lisboa (acesso pelo arco da entrada lateral da Igreja dos Jerónimos, Mosteiro dos Jerónimos)
Tel.  21 3658520; Fax: 21 3658523

Acesso e horário:

Aberta ao público em geral.
Horário: 2ª - 6ª das 9h30 às 12h30 e das 13h30 às 16h45

Sítio Web

(topo)

Bibliotecas da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da UNL 

Colecções:

Possui um fundo documental de mais de 80.000 títulos, na sua biblioteca central (Biblioteca Mário Sottomayor Cardia), abrangendo todas as áreas das ciências sociais e humanas. Na Faculdade existe, ainda, um conjunto de bibliotecas especializadas pertencentes a diversos centros:


Centro de Estudos Galegos
Centro de História da Cultura (Biblioteca Silva Dias),  
Centro de História de Além-Mar (CHAM),
Centre for English, Translation and Anglo-Portuguese Studies (CETAPS), 
Centro de Linguística (CLUNL), 
Instituto de Filosofia da Linguagem
Centro de Documentação de Ciências Musicais,
Centro de Estudos de Geografia e Planeamento Regional
Centro de Estudos de Comunicação e Linguagens (Bib. Emídio Rosa de Oliveira) e
Biblioteca de História da Arte.

Morada:

Universidade Nova de Lisboa
Av. de Berna, 26-C, 1069-061 Lisboa - Torre B, 1º Piso
Tel. 21 7908300; Fax  21 7908308
biblioteca@fcsh.unl.pt

Acesso e horário:

Abertas ao público em geral. Horários da biblioteca central:

Períodos lectivos, 2ª - 6ª das  9h30 às 20h | Períodos de férias, 2ª - 6ª das 9h30 às 17h.

Sítio Web Catálogo

(topo)

Biblioteca da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa 

Colecções:

Uma das mais importantes bibliotecas jurídicas do País, contendo aproximadamente 130.000 volumes (85.000 títulos) de monografias, e 1.500 títulos de periódicos jurídicos e afins, dos quais cerca de 500 se encontram em publicação.

 

As colecções de monografias incluem TesesCol. de ReferênciaCol. Praxistas ou de Livro Antigo (impressos dos séculos XVI a XVIII, de tipografia portuguesa e estrangeira) e a  Colecção Século XIX (monografias oitocentistas e colecções de legislação antiga, 1600-1910).

Morada:

Faculdade de Direito
Alameda da Universidade, Cidade Universitária, 1649-014 Lisboa  
Tel: 217 984680; Fax: 217 984694
biblioteca@fd.ul.pt

Acesso e horário:

Acessível ao público externo à Faculdade, sob solicitação. 
Horário: dias úteis no período lectivo, das 9h às 20h30.

Sítio Web Regulamento

(topo)

Biblioteca da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa 

Colecções:

Com origem na Biblioteca do Curso Superior de Letras, fundado por D. Pedro V, em 1859, conta com cerca de 300.000 monografias e mais de 1.600 títulos de publicações periódicas. Possui obras muito raras dos séculos XVI a XX, de várias áreas culturais, incluindo uma primeira edição da Peregrinação de Fernão Mendes Pinto, oferecida em 1973 por Marcelo Caetano.

 

O seu acervo bibliográfico foi-se constituindo ao longo dos anos por meio de compra e de ofertas valiosas, em que se incluem as da Academia Real das Ciências de Lisboa e da Academia de História e muitos legados de professores da Faculdade e de outros intelectuais portugueses. Destacam-se, pela sua importância e valor, a Biblioteca da Manizola e os legados Matos Romão (Filosofia), Delfim Santos (Filosofia, Pedagogia), Fidelino de Figueiredo (Literatura Portuguesa), José Leite de Vasconcelos (Linguística, Literaturas Clássica e Portuguesa), Cordeiro Ramos (Cultura Germanística), Osório Mateus (Teatro), Pais da Silva (História da Arte) e Jorge Borges de Macedo (História).

Morada:

Faculdade de Letras
Alameda da Universidade, Cidade Universitária, 1600-214 Lisboa 
Tel. 21 7920 028; Fax: 21 7920 074

Acesso e horário:

Acessível ao público externo à Faculdade, sob solicitação. 
Horário regular (Outubro a Julho): 2ª - 6ª das 9h às 20h | Sáb. das 9h às 12h30

Sítio Web Catálogo - Regulamento

(topo)

Biblioteca da Imprensa Nacional-Casa da Moeda

Colecções:

A Biblioteca da INCM possui um acervo de cerca de 20.000 obras. Não sendo uma biblioteca especializada, conta com três incunábulos, duas centenas de obras do século XVI e XVII e a colecção completa do jornal oficial, desde a Gazeta de Lisboa (1715). Predominam as edições próprias, desde 1769 até hoje, possuindo também obras dos séculos XVIII, XIX e primeira metade do século XX de outras editoras.

Morada:

Rua da Escola Politécnica, 135, Lisboa

Tel.: 21 3945700  Fax: 21 3945727
mramos@incm.pt

Acesso e horário:

Aberta ao público em geral
Horário: 2ª a 6ª feira das 9h30 às 12h45 e das 14h às 16h45 (entrada até às 16h30)

Sítio Web

(topo)

Biblioteca do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas 

Colecções:

Fundo documental constituído por mais de 55.000 títulos de monografias e cerca de 2.500 títulos de periódicos, especializada em Ciências Sociais, Relações Internacionais, Estratégia e História das ex-Colónias.

 

Foi criada em 1935 a partir de um pequeno acervo de cerca de 4.000 volumes doados pela Sociedade de Geografia de Lisboa.

Morada:

Rua Almerindo Lessa – Pólo Universitário da Ajuda, 1349-055 Lisboa
Telf.: 21 3619430; Fax: 21 3619437
biblioteca@iscsp.utl.pt

Acesso e horário:

Aberta aos utilizadores externos ao Instituto, sob solicitação. Horários:
Período escolar: 2ª - 6ª das 9h15 às 21h | Sábados das 9h15 às 13h
Férias lectivas: 2ª - 6ª das 9h15 às 17h30

Sítio Web Catálogo

(topo)

Biblioteca do Inst. Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa 

Colecções:

O fundo documental da Biblioteca do ISCTE-IUL - especializado na área das ciências sociais, empresariais e tecnológicas, cobre um vasto leque de temas como Arte, Arquitectura e Urbanismo, Estudos Africanos, História, Direito, Antropologia, Psicologia Social, Sociologia, Economia e Gestão - é composto por cerca de 56.000 títulos (monografias, obras de referência, teses e dissertações) e 17.000 periódicos em suporte papel e digital.

Morada:

Av. das Forças Armadas Edifício II
1649-026 Lisboa Portugal
Tel: 21 7903024 – Fax 21 7903025
biblioteca@iscte.pt

Acesso e horário:

Acessível a utilizadores externos ao Instituto
2ª, 4ª e 5ª feiras das 9h30 às 21h30
3ª e 6ª feiras: das 9h30 às 22h30

Sítio Web Catálogo Regulamento

(topo)

Biblioteca do Instituto Superior de Economia e Gestão 

Colecções:

A Biblioteca do Instituto Superior de Economia e Gestão, denominada Biblioteca Francisco Pereira de Moura, foi criada em 1911. O seu fundo documental constitui hoje a maior e melhor colecção nas áreas de Economia, Gestão e Ciências Auxiliares afins, existentes no país. A Biblioteca engloba o Centro de Documentação Europeia da UTL e é biblioteca depositária do Banco Mundial..

Morada:

Rua do Quelhas, nº 6, 1200-781 Lisboa 
Tel. 21 3922888; Fax 21 3972684  
biblio@iseg.utl.pt

Acesso e horário:

Acessível a utilizadores externos, mediante pagamento de uma taxa anual de utilização
Horário – 2ª a 6ª das 9h30 – 23h; Sábado das 9h30 – 17h 
Férias de Verão ( 17 de Jul.a 11 de Set.) – 2ª a 6ª feira das 9h30 – 20h

Sítio Web Catálogo - Regulamento

(topo)

Biblioteca do Museu de Ciência da Universidade de Lisboa 

Colecções:

Biblioteca especializada em História da Ciência, divulgação de Ciência e Museologia da Ciência e da Técnica. O espólio bibliográfico mais importante tem origem nos fundos antigos quer da biblioteca central da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, quer das bibliotecas departamentais de ciências "exactas" da mesma Faculdade. Estes fundos incluem livros adquiridos para o ensino e investigação no Noviciado da Cotovia (1603-1759), Colégio dos Nobres (1761-1772), Escola Politécnica (1837-1911) e Faculdade de Ciências (1911-1940).

 

Para além desses fundos históricos, a Biblioteca dispõe de 23.600 monografias e assina 36 periódicos relacionados com a História e Museologia das Ciências e das Técnicas.

Morada:

Rua da Escola Politécnica 58, 1250-102 Lisboa 
Tel. 21 3921837 
biblioteca-mcul@museus.ul.pt

Acesso e horário:

Aberta ao público em geral.
Horário: dias úteis das 10h às 13h e das 14h às 17h

Sítio Web Catálogo - Regulamento

(topo)

Biblioteca do Museu Nacional de Arqueologia 

Colecções:

Especializada em arqueologia, compreende um acervo documental com cerca de 22.000 monografias, 1.800 títulos de publicações periódicas (das quais cerca de 1.000 activas), uma colecção de 850 folhetos de literatura de cordel, 5 incunábulos e outros livros antigos, mapas e gravuras.

 

A Biblioteca inclui, ainda, os arquivos pessoais de José Leite de Vasconcelos, Manuel Heleno (manuscritos do autor, correspondência e fotografias), Fernando de Almeida (manuscritos), Estácio da Veiga (manuscritos do autor, fotografias e desenhos), Luís Chaves (manuscritos de etnografia) e doações das bibliotecas de Nuno Carvalho dos Santos, Hipólito Raposo e Gustavo Marques.

 

O espólio de Leite de Vasconcelos inclui a sua livraria pessoal,  correspondência, apontamentos e documentação que utilizou na elaboração dos seus numerosos trabalhos científicos. Em 1998, foi publicado o inventário da correspondência de Leite Vasconcelos, com cerca de 3.700 correspondentes e 24.300 espécies.


A Biblioteca do MNA disponibiliza em linha a revista O Arqueólogo Português.

Morada:

Museu Nacional de Arqueologia
Edifício dos Jerónimos, Praça do Império -P-1400-206 Lisboa
Tel: 21 3620000; Fax: 21 3620016
mnarq.biblioteca@imc-ip.pt

Acesso e horário:

Aberta ao público em geral.
Horário: 2ª - 6ª feira das 10h às 12h30 e das 14h às 17h30 | Primeiro sábado de cada mês, das 11h às 17h, excepto nos meses de Julho e Agosto

Sítio Web Catálogo

(topo)

Biblioteca do Museu Nacional de Etnologia 

Colecções:

Especializada nas áreas da Museologia e Antropologia, detém um acervo  constituído por 16.000 títulos (monografias, obras de referência, teses, separatas), 900 títulos de revistas, diversa documentação avulsa e material não livro, em que se destacam 3.353 fonogramas da recolha sonora de Michel Giacometti da música tradicional portuguesa e de documentos sociais e políticos, 206 cassetes vídeo sobre etnografia das populações indígenas do Brasil, dos esquimós Inuit, sobre etnomusicologia e os descobrimentos e a presença portuguesa em alguns locais do mundo.

Morada:

Museu Nacional de Etnologia
Avenida Ilha da Madeira, 1400-203 Lisboa
Tel. 21 3041160/9; Fax: 21 3043994 
mnetno.biblioteca@ipmuseus.pt

Acesso e horário:

Aberta ao público em geral.
Horário: 2ª - 6ª das 9h30 às 17h15

Sítio Web

(topo)

Biblioteca da Ordem dos Arquitectos 

Colecções:

A Biblioteca foi criada em Dezembro de 1904 pela Sociedade dos Arquitectos Portugueses. O fundo documental que remonta a 1728 inclui livros, periódicos e outros documentos que testemunham parte da vida associativa dos arquitectos portugueses nos últimos cento e cinquenta anos.
Ao longo dos anos incorporou os espólios bibliográficos dos arquitectos Adelino Nunes, Francisco Carlos Parente, João Piloto, Norberto Campos, Nuno Teotónio Pereira (espólio parcial) - Espólios de acesso reservado. Ainda os espólios da Arq. Isabel Maria Rodrigues da Silva, José Manuel Nicolau Santos, Francisco Keil do Amaral (espólio parcial), António Pires Lisboa Serrano, David Ferreira de Oliveira Lopes e Fausto Mendes Caiado.
Vocacionada para apoiar as actividades de investigação dos Membros da O.A. e a comunidade científica em geral, disponibiliza um fundo documental superior a 30.000 documentos. A colecção, especializada nas temáticas da Arquitectura e do Urbanismo, inclui ainda obras sobre áreas científicas análogas: Conservação, Restauro, História, Património, Teoria. Faculta a consulta de Teses de Doutoramento e Dissertações de Mestrado em Arquitectura, História da Arte, Construção, Cultura Arquitectónica, Desenho Urbano, Planeamento Regional, Reabilitação, Tecnologia e Teoria da Arquitectura.

Morada:

Biblioteca Francisco Keil do Amaral – Ordem dos Arquitectos
Travessa do Carvalho, 23 
1249-003 Lisboa 
Tel: 21 324 11 47 | 21 324 11 48 
biblioteca@oasrs.org

Acesso e horário:

Aberta ao público em geral.
Horário: 2ª, 3ª, 5ª e 6ª feira, das 9:30 – às 16:30

Sítio Web

 

 

(topo)

Biblioteca da Sociedade de Geografia de Lisboa 

Colecções:

O espólio bibliográfico, constituído desde 1876, é composto por cerca de 200.000 volumes (66.000 títulos), inúmeras revistas e cerca de 6.000 documentos manuscritos.

 

A Biblioteca da SGL é reconhecida, nacional e internacionalmente, como fonte  imprescindível para todos os investigadores que se dedicam não só ao estudo da História dos Descobrimentos e Expansão Portuguesa, mas também à Geografia, História e Etnografia da comunidade dos países de língua portuguesa.

 

Inclui as colecções da extinta Comissão Central Permanente de Geografia, as bibliotecas do Marquês de Lavradio e do Visconde de S. Januário, a colecção Vidigueira (com documentos entre 1332 e 1800, contendo o processo original de posse e entrega a Vasco da Gama das vilas de Vidigueira e de Frades), o espólio Marques Pereira e os diários de viagem de personalidades como Hermenegildo Capelo, Roberto Ivens, Silva Porto ou ainda Gago Coutinho, assim como uma notável colecção de desenhos de George Chinnery sobre Macau.

 

A colecção cartográfica da SGL oferece uma riquíssima variedade de mapas, plantas e atlas, portugueses e estrangeiros e de todos os períodos, assim como a colecção de edições próprias de cartografia ultramarina oitocentista.

Morada:

Rua das Portas de Santo Antão, 100, 1150-269 Lisboa
Tel.  21 3425401 / 21 3425068
biblioteca@socgeografialisboa.pt

Acesso e horário:

Acessível ao público em geral.
Horário: 2ª - 6ª das 10h às 13h e das 14h às 17h

Sítio Web Regulamento

(topo)

Biblioteca Universitária João Paulo II, Universidade Católica 

Colecções:

Possuindo mais de 200.000 volumes (cerca de 170.000 títulos monográficos)  e mais de 1.500 títulos de publicações periódicas activas, cobre todas as áreas das Humanidades em geral, nomeadamente Filosofia, Teologia, Ciências Sociais, Direito, Economia, Gestão, História e Literatura, quer no seu Fundo Geral quer em Reservados e bibliotecas memoriais, como as de António Sardinha, Campos Pereira e Eduardo Coelho.

 

Compreende, ainda, um Centro de Documentação Europeia e o fundo designado  Sociedade Científica de Görres, também conhecido por Instituto Vieira, com cerca de 9.000 volumes, em que se destaca a obra de António Vieira e autores portugueses e brasileiros, sobretudo dos séculos XVII e XVIII.

Morada:

Universidade Católica Portuguesa - Palma de Cima, 1649-023 Lisboa
Tel. 21 7214016; Fax 21 7214010

Acesso e horário:

Acessível ao público externo à Universidade Católica, sob solicitação.
Horário: dias úteis das 9h às 21h | Sábados das 9h às 13h.

Sítio Web Catálogo - Regulamento

(topo)

Centro de Documentação e Informação da Fundação Oriente 

Colecções:

Fundo documental constituído por cerca de 25.000 volumes de monografias, 100 títulos de publicações periódicas com recepção regular e documentação audiovisual e multimédia.

 

O acervo inclui a documentação da Colecção Kwok On, e a colecção da Livraria do Convento da Arrábida, composta por 3.500 volumes de monografias, periódicos e manuscritos dos séculos XVI a XX.

Morada:

Museu do Oriente - Av. Brasília, Doca de Alcântara (Norte), 1350-352 Lisboa 
Tel.  21 3585218 / 21 3585200
centro.documentacao@foriente.pt

Acesso e horário:

Acessível ao público maior de 14 anos. 
Horário: 2ª - 6ª das 10h às 18h

Sítio Web Catálogo - Regulamento

Pesquisa e Postagem/Nell Morato