Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese




ONLINE
6





                                              

                            

 

 

 


A Academia das Musas de José Luis Guerín
A Academia das Musas de José Luis Guerín

FILME ESPANHOL ILUMINA A IDEALIZAÇÃO DO AMOR

 

Em seu processo de evolução, o ser humano encontrou na manifestação artística a forma de racionalizar sentimentos como o amor e a paixão.  Com isso, tomou forma a idealização das relações afetivas que, por parecer inalcançável na vida real a muitas pessoas, gera angústia e frustração.  Esse é um dos debates presentes em A ACADEMIA DAS MUSAS, impactante filme espanhol.

 

O diretor catalão José Luis Guerín propõe um exercício cinematográfico ambicioso em seu embaralhamento entre documentário e ficção.  Simples em sua estrutura e complexo na engrenagem que escrutina, nesse campo das relações afetivas, o espelhamento entre o real e seu simulacro.

 

A ACADEMIA DAS MUSAS tem como personagem central o napolitano Raffaele Pinto, professor de filosofia italiana na Universidade de Barcelona.  Ele conduz um projeto pedagógico com um grupo de alunas que analisa a relação dos grandes poetas com as musas inspiradoras de suas criações.  A dinâmica dos debates lança  teses e antíteses.  Invenção da literatura, o conceito de amor não fantasia expectativas desmanchadas na realidade?  A inveja e o ciúme são sentimentos que mostram resíduos animalescos impulsionados por disputas territoriais, como diz o mestre?  O olhar recorrente sobre as musas, por ser predominantemente masculino, não estaria contaminado por relações de poder sem lugar no mundo contemporâneo, como observam as alunas?

 

Entre questões e certezas levantadas em aula, Raffaele Pinto é levado a problematizar seu conhecimento na prática, no relacionamento que tem com uma das alunas e no confronto com sua mulher (vivida pela filóloga catalã Rosa Delor).  Cabe a esta, diante da infidelidade do marido, colocar em um plano terreno arrazoados teóricos complexos e humanizar a discussão.  Acaba sendo Rosa a grande personagem do filme.

 

TRAILER:  https://www.youtube.com/watch?v=aMkMvnXhW3A

 

Fonte:  Zero Hora/Segundo Caderno/Marcelo Perrone (marcelo.perrone@zerohora.com.br) em 26 de junho de 2016.